Poesias

Maria Silonildes de Mesquita

 

Que coisa linda é o amor !

É como um conta gotas liberando gotinhas de atenção,

gestos, palavras, dedicação e atitudes.

O amor é como um tanque de um carro; abastecido, cheio, transbordante.... estamos

seguros e ninguém nunca nos breca o rumo da direção, o ser amado.

Somos cativos de quem nos conquista e mais ainda de quem cuida de nós.

 O amor tudo crer, tudo suporta, tudo perdoa. Ele é divino!

 Ele nasce no coração de Deus e nunca será varrido da face da terra.

 Em meio a humanos que tendem a ser máquinas,

 nunca deixará de existir o amor.

O amor é uma energia, é uma moeda de troca que move o mundo !

 O amor é lindo , não tem forma e nem cor,

Ele  fala , grita, gesticula e chora se dizendo amor.

O amor é você, sou eu, é aquela criança com o olhar sem esperança,

é aquele magro e faminto morador de rua e de alma nua,

a espera de um pedaço de pão e de um olhar,

mesmo sem nenhuma comoção !   

 O amor é nós, é o SER em evolução.

 Aquele que ama é nobre é altruísta,

 Supera  tudo e todos, é bem mais feliz e cheio de certezas.

 O SER que ama é pura riqueza!

O amor não tem nome, nem cor e nem hora para chegar,

 é somente abrir o coração e começar a exercitar e estará pronto para amar

 quando  ele chega nos envolve a alma e além disso nos acalma.

 

 Silonildes Mesquita, 2015

 

Mais artigos do Autor.