Crônicas

José Solon Sales e Silva

Titular da Cadeira nº 34

PEITO DE PERU

            Que iguaria maravilhosa, degustei pela primeira vez no Ibis de Petrolina, bom demais. Iguaria inigualável, muito boa mesmo. Mas Petrolina tem algo mais e Juazeiro da Bahia mais ainda. Juazeiro oferece ou oferecia uns sanduiches maravilhosos debaixo da ponte. Isso mesmo. Fui consumidor destas iguarias. O sanduiche abaixo da ponte entre Petrolina e Juazeiro ou Juazeiro e Petrolina era um lugar maravilhoso. Certamente ainda é.

            Conheço bem, enquanto professor de turismo, aquela região, conheço menos o peito de peru do Ibis Petrolina. Mas sei que o hotel é enxuto, igual fui minha vida toda. Mas peito de peru é um embutido produzido com inúmeros aditivos e bastante sal. Como gosto de sal. Na composição do peito de peru há ingredientes como corantes naturais, aromas naturais, aromatizantes, nitrito de sódio, antioxidantes, glutamato monossódico, espessantes e tantos e tantos e tantos componentes químico. Ah! A Química é imperiosa, sabe dar sabor a vida, a coisa boa. Gosto de peito de peru. Outros experimentaram peito de peru no Ibis. Vida boa para todos. Mas nele também há peito de peru. Maravilhoso, alguém te deu este sabor.

            Petrolina também começa com ‘P’ de peito de peru, de paixão pela região de pluralidade de plenitude em aspectos do turismo e do ser deste povo, hospitaleiro, gentil, acolhedor, pernambucano e baiano. Baianos são mansos e bem gentis quando querem. Petrolina, Juazeiro, limite de pessoas do bem!!! Feliz por conhecer pessoas baianas e do bem. Petrolina, Juazeiro, Juazeiro, Petrolina, como diz a boa música!!!!

Mais artigos do Autor.