Poesias

Marcílio Lima

 

 
EU VI MEU AMIGO CRIANÇA
EU VI MEU AMIGO BRINCAR
EU VI MEU AMIGO JOGAR BILA,
PIÃO, BANDEIRINHA, BOLA, TRIÂNGULO,
BATALHA, FEDORA, ESCONDE-ESCONDE,
MÃO NO BOLSO, ARREIA, BRINCADEIRA DE RODA,
O GRILO, CINTURÃO QUEIMADO, TRÊS TRÊS PASSARÁ

*** EU VI MEU AMIGO CRESCER, EU VI...
ASSISTI SUAS PRIMEIRAS PAQUERAS
FOMOS REBELDES, HIPEE POR UM DIA
NA CIDADE DE IPUEIRAS,
UMA AVENTURA SADIA, QUE MARCOU PARA SEMPRE,
ADOLESCENTES SONHADORES

*** EU VI MEU AMIGO VIVER INTENSAMENTE
EU VI MEU AMIGO CARIDOSO, CORAÇÃO DE MÃE
EU VI MEU AMIGO RESPONSÁVEL E CARINHOSO
EU VI MEU AMIGO DE CORAÇÃO PURO
SEM INIMIGOS, CANTANDO, BATUCANDO, GRITANDO,
BEBENDO, FUMANDO, SORRINDO, SAMBANDO, FELIZ, EU VI...

*** EU VI MEU AMIGO PARTIR
PARTIDO FICOU MEU CORAÇÃO
EU VI MEU AMIGO PARTIR
SORRINDO EM BUSCA DA PAZ
EU VI MEU AMIGO PARTIR
UM ATÉ BREVE, UM ATÉ LOGO OU NUNCA MAIS...

*** EU VI MEU AMIGO PARTIR
UM GRITO ALTO, UMA DOR FORTE, UM SOLUÇAR...
EU VI MEU AMIGO PARTIR SAUDADES, LAMENTO, QUE PENA...
DEUS LHE ACOLHA AMIGO, UMA RODA DE SAMBA
FORMAREMOS ALGUM TEMPO, UM BEIJO...

HOMENAGEM AO AMIGO SÉRGIO RICARDO ALVES DE SOUSA (SERJÃO)
IPU, 17 DE DEZEMBRO DE 2003

Mais artigos do Autor.