Poesias

Francisca Ferreira do Nascimento

Titular da Cadeira número 9

Quando você lembrar de mim.

olhe para as coisas mais simples,

para o céu... veja o sol

observe como ele é expansivo,

mas não agrada a todos, têm pessoas que reclamam do calor.

 

Veja só o vento, ele viaja por todos os lugares,

é dinâmico, às vezes  furioso,

à noite olhe para o firmamento e veja quantas maravilhas

existem por lá.

A lua é bela e vive sozinha, nem por isso deixa de brilhar,

seu brilho é triste, mas nem por isso deixa de iluminar a Terra.

 

Observe uma folha seca e velha, indague-a,

Saberá o quanto ela já viveu e quantas aventuras tem para contar,

um dia porém, já foi bela e graciosa, hoje velha e esquecida.

 

Os seres humanos têm mania de desprezo e vaidade.

Agora pare! Escute o cantar de um pássaro, veja que linguagem inteligente.

A compreensão, o carinho, a fraternidade que eles compartilham...

Agora olhe ao nosso redor, mas não precisa lembrar de mim.

Mais artigos do Autor.