Notícias

Carmosina Xerez Máximo

(Dados e foto tirados do livro "Ipuenses". Autores: Francisco de Assis Mello e Jerônimo Sá Júnior)

            Nascida em Ipu a 27 de março de 1900 e faleceu em 13 de junho de 1983. Foi a primeira professora entre inúmeras ipuenses de sucessivas gerações, muitas das quais receberam da saudosa mestra a base sólida com que edificaram a carreira e a própria vida.

            Suas aulas eram dadas numa sala da Rua Cel. Liberalino, mais ou menos defronte ao “Beco do Progresso”. Quem passava pela rua ouvia os alunos repetindo a tabuada ou aprendendo a soletrar, em voz alta.

           Usava o cabelo longo e bem tratado em forma de coque, ou cocó, o que lhe valeu o apelido de “Cocó de Ata Seca”, em alusão a fruta (pinha ou fruta de conde).

           Figura respeitadíssima e estimada em todo o Ipu e vizinhança. Era da Pia União das Filhas de Maria e de outras Associações da Igreja. Era muito gentil e amiga de todos. Era do tempo da palmatória. Dona Carmosa sempre inspirará sentimentos de saudade e gratidão.

 

Mais artigos do Autor.