Crônicas

Abílio Lourenço Martins

Titular da Cadeira nº 12

Tem Coisas que a Gente não Tira do Coração

 Quem durante na vida não teve uma paixão arrebatadora ou aquele amorzinho passageiro e gostoso, ou, senão, um amor proibido?

Quem nunca teve desconhece o que é bom ou “ruim”. Não experimentou o quanto é gostoso apaixonar-se. Em contrapartida, jamais sofreu a dor dolorosa de uma ausência.

O certo é que o tempo passa e com ele segue as nossas recordações. Às vezes, recorremos ao passado para trazer ao presente momentos marcantes, inesquecíveis. Uns realizados, outros ensaiados e outros nem isso.

O certo é quando a gente ama ou amou ficam pela estrada as mais variadas lembranças: Umas amargas; outras eternamente bem guardadas.

Todavia, em muitos desses casos amorosos permanece uma paixão adormecida como um vulcão prestes a soltar lavras de desejos.

E, se um dia, o acaso permitir esse reencontro?  Ah, não existem culpados. “Tem coisas que a gente não tira do coração”.

Abílio, 11 mar 2011.

Mais artigos do Autor.